Poesia na primeira linha

Mesa de Autor, presencial com streaming

Convidados

©Raquel Marinho

Raquel Marinho Biografia

Raquel Marinho (Luanda, 1974) estudou comunicação social na Universidade Católica Portuguesa. Atualmente desenvolve funções na Direção de Comunicação da Casa da América Latina. Organizou tertúlias para divulgação de poetas portugueses contemporâneos e foi autora de uma rubrica digital do Expresso Diário denominada O Poema Ensina a Cair, para a qual entrevistou mais de 40 poetas. Em 2019 iniciou um podcast de entrevistas sobre poesia com o mesmo nome. É autora de um programa de leitura de autores portugueses na rádio Antena 2 denominado Ambos na Mesma Página.

Raquel Marinho (Luanda, 1974) estudou comunicação social na Universidade Católica Portuguesa. Atualmente desenvolve funções na Direção de Comunicação da Casa da América Latina. Organizou tertúlias para divulgação de poetas portugueses contemporâneos e foi autora de uma rubrica digital do Expresso Diário denominada O Poema Ensina a Cair, para a qual entrevistou mais de 40 poetas. Em 2019 iniciou um podcast de entrevistas sobre poesia com o mesmo nome. É autora de um programa de leitura de autores portugueses na rádio Antena 2 denominado Ambos na Mesma Página.

Daniel Jonas Biografia

Daniel Jonas é poeta, dramaturgo e tradutor. Enquanto poeta, publicou, entre outros, Sonótono (Cotovia, 2006), que lhe valeu o prémio PEN de Poesia, e (2014), galardoado com o Grande Prémio de Poesia Teixeira de Pascoaes da APE. Foi um dos sete poetas nomeados para o Prémio Europeu da Liberdade pelo seu livro Passageiro Frequente (2013). Como dramaturgo, publicou Nenhures (2008) e escreveu Estocolmo, Reféns e o libreto Still Frank, todos encenados pela companhia Teatro Bruto.

Daniel Jonas é poeta, dramaturgo e tradutor. Enquanto poeta, publicou, entre outros, Sonótono (Cotovia, 2006), que lhe valeu o prémio PEN de Poesia, e (2014), galardoado com o Grande Prémio de Poesia Teixeira de Pascoaes da APE. Foi um dos sete poetas nomeados para o Prémio Europeu da Liberdade pelo seu livro Passageiro Frequente (2013). Como dramaturgo, publicou Nenhures (2008) e escreveu Estocolmo, Reféns e o libreto Still Frank, todos encenados pela companhia Teatro Bruto.

©Teresa Sá

©Afredo Cunha

Filipa Leal Biografia

Filipa Leal (1979, Porto) publicou o seu primeiro livro, lua-polaroid, em 2003, a que se seguiram nove títulos de poesia. Está editada em Espanha e na Colômbia. Formada em Jornalismo pela Universidade de Westminster, é mestre em Estudos Portugueses e Brasileiros pela Faculdade de Letras do Porto. Poeta, jornalista e argumentista, trabalhou em rádio, imprensa e televisão. Colabora com o programa semanal de literatura Nada Será Como Dante (RTP2), que também apresenta com Pedro Lamares. Em 2020, publicou o seu primeiro livro de teatro: O Quadrado de F.

Filipa Leal (1979, Porto) publicou o seu primeiro livro, lua-polaroid, em 2003, a que se seguiram nove títulos de poesia. Está editada em Espanha e na Colômbia. Formada em Jornalismo pela Universidade de Westminster, é mestre em Estudos Portugueses e Brasileiros pela Faculdade de Letras do Porto. Poeta, jornalista e argumentista, trabalhou em rádio, imprensa e televisão. Colabora com o programa semanal de literatura Nada Será Como Dante (RTP2), que também apresenta com Pedro Lamares. Em 2020, publicou o seu primeiro livro de teatro: O Quadrado de F.

Valério Romão Biografia

Valério Romão (França, 1974) tem editados três romances (Autismo, O da Joana, Cair para dentro), três livros de contos (Facas, Da Família, Dez Razões para Aspirar a Ser Gato) e duas peças de teatro (A Mala, Irina, Macha, Olga). Tem publicado na Granta Portugal e Brasil, na Granta UK e na Granta Suécia. O seu livro O da Joana foi publicado em Itália e Autismo no Brasil e em França. Foi finalista do Prémio Femina em 2016. É igualmente tradutor e dramaturgo.

Valério Romão (França, 1974) tem editados três romances (Autismo, O da Joana, Cair para dentro), três livros de contos (Facas, Da Família, Dez Razões para Aspirar a Ser Gato) e duas peças de teatro (A Mala, Irina, Macha, Olga). Tem publicado na Granta Portugal e Brasil, na Granta UK e na Granta Suécia. O seu livro O da Joana foi publicado em Itália e Autismo no Brasil e em França. Foi finalista do Prémio Femina em 2016. É igualmente tradutor e dramaturgo.

©Valério Romão

©Onomatopeia

Ana Luísa Amaral Biografia

Ana Luísa Amaral (1956) é autora de mais de três dezenas de livros (poesia, teatro, ficção, infantis). As suas obras mais recentes em Portugal são Lenga Lenga de Lena, A Hiena (infantil) e Arder a Palavra e Outros Incêndios (ensaio), vencedor do Prémio da Associação Portuguesa de Críticos Literários). Os seus livros estão traduzidos e editados em países como Inglaterra, Brasil, França, Espanha, Suécia, Itália, Holanda, Colômbia, Venezuela, México ou Estados Unidos da América. É professora aposentada da Faculdade de Letras do Porto e membro da direção do Instituto de Literatura Comparada Margarida Losa.

Ana Luísa Amaral (1956) é autora de mais de três dezenas de livros (poesia, teatro, ficção, infantis). As suas obras mais recentes em Portugal são Lenga Lenga de Lena, A Hiena (infantil) e Arder a Palavra e Outros Incêndios (ensaio), vencedor do Prémio da Associação Portuguesa de Críticos Literários). Os seus livros estão traduzidos e editados em países como Inglaterra, Brasil, França, Espanha, Suécia, Itália, Holanda, Colômbia, Venezuela, México ou Estados Unidos da América. É professora aposentada da Faculdade de Letras do Porto e membro da direção do Instituto de Literatura Comparada Margarida Losa.

Font Resize
Contrast